Pontos positivos e negativos de Eragon

Livro: Eragon
Autor: Christopher Paolini
Editora: Rocco
Gênero: Fantasia
Nota: ⭐⭐⭐

IMG_1608

Eragon é uma série de 4 livros que encantou o coração de muita gente, e ao mesmo tempo incomodou outras.
ATENÇÃO: Esse post contém spoilers!

A história

Para quem não está familiarizado com a história, os livros contam a história de Eragon, um garoto de 15 anos que vive com seu tio e seu primo numa fazenda. Certo dia em que ele está caçando, ele encontra uma pedra azul misteriosa e decide levar para a cidade, pensando que ela pode ter algum valor. A vila sempre promove uma feira em que mercadores de outras regiões vem para vender e comprar mercadorias, Eragon decide esperar que uma dessas feiras ocorra e oferece a pedra à um mercador, mas parece que ninguém está interessado em comprá-lo.
Ele decide levar a pedra de volta para casa e guardá-la. Algum tempo depois algo estranho começa acontecer com a pedra, e Eragon descobre que a pedra na verdade é um ovo de dragão e de dentro dele nasce um dragão fêmea, que mais tarde ele da o nome de Saphira.

A partir desse ponto a vida de Eragon muda completamente, ele se torna um Cavaleiro de Dragão e passa a ser perseguido por alguns seres malignos que desejam levá-lo junto com Saphira para o lado deles. Os livros então vão narrar as aventuras de Eragon enfrentando esses inimigos ao lado de seu dragão.

IMG_1611

Primeiras impressões

Eragon fez bastante sucesso na época que foi lançado e não é toa. Livros que falavam sobre dragões, magia e fantasia estavam em alta, muitas pessoas buscavam por esse tipo de história. Mas algumas pessoas não encararam com bons olhos essa série, acredito que principalmente os fãs de Tolkien, que estavam acostumados com toda a grandeza de Senhor dos Anéis.

Eu comecei a ler Eragon um pouco mais tarde, quando todos os livros já tinham sido lançados, então não peguei a época do boom!
A primeira impressão que tive quando li o primeiro livro foi que o autor tinha acabado de ler Senhor dos Anéis e ficou com vontade de escrever um livro. Não que isso seja uma coisa ruim, pelo contrário, eu também fiquei com vontade de escrever um livro depois que li Senhor dos Anéis.
Depois de alguns pesquisas, descobri que foi basicamente isso mesmo e acoh que esse é um ponto importante a ser considerado. Christopher Paolini começou a escrever o primeiro livro da série quando ele tinha apenas 15 anos. Os outros livros foram publicados quando ele já era um pouco mais velho, mas a história toda foi pensada quando ele tinha seus 15 aninhos.

Eu sei que tem muita gente que escreve livros muito jovens e são livros muito bons, mas na minha opinião, um garoto de 15 anos escrever uma fantasia dessa dimensão, está mais do que ótimo! Não que os livros sejam ruins, em geral eu gosto da série como um todo e acho que Christopher fez um trabalho excelente.

IMG_1612

Pontos negativos

Eragon é um protagonista insuportável. É um personagem muito arrastado e que tem aquela sindrome de grandeza. Não gostei nenhum pouco do desenvolvimento dele durante a história. Eu entendo que muita cois da para relevar porque ele é um adolescente, mas achei ele extremamente chato.
Esse foi um ponto bem negativo, pois a maior parte do livro é narrada do ponto de vista de Eragon, afinal ele é o protagonista. Foi bem difícil conseguir terminar os livros.
Mas fiquei muito feliz de ele não ter ficado com a Arya, a elfa pela qual ele é apaixonado.

Outro ponto negativo para mim foi que não me emocionei em nenhum momento. Geralmente eu entro de cabeça nos livros e vivo a história como se estivesse acontecendo comigo. Choro, sorrio, sofro, fico feliz… Mas aqui, isso não aconteceu.
Claro, nas partes do Eragon era mais difícil de me emocionar, já que não simpatizei com o protagonista. Mas há outros personagens interessantes e que eu gosto muito, e nem com esses consegui me emocionar.

E o último ponto que me incomdoa muito é o que o livro é cheio de segredinhos. Todos os personagens que ajudam Eragon são cheio de segredinhos e não tem motivo nenhum para não contarem a ele. Todos os tutores de Eragon dizem que ele vai saber daquilo na hora certa, mas na verdade não faz diferença nenhuma.
Esses segredos são bem comuns em livros de fantasia, mas a maioria é bem mais convincente, então isso me incomodou bastante.

IMG_1613

Esses foram três pontos que não gostei no livro, e os três estão muito presentes ao longo de toda a série, por isso foi muito difícil conseguir terminar. Mas consegui terminar, li todos os livros e acabei gostando por causa de alguns pontos positivos.

Pontos positivos

O que eu mais gostei nesses livros foram três personagens que me fizeram querer continuar a ler a história. São eles: Rohan, Nasuada e Angela.
São três personagens muito determinados e fortes, certo do que eles querem e muito interessantes.

Rohan é o primo de Eragon, ele acaba no meio de toda essa confusão por culpa do Eragon. Ele acaba tendo que salvar a vila inteira sozinho e carrega todo mundo nas costas. Ele se torna o líder da expedição para a sobrevivência de todos e sem perceber, todos acabam contando com ele.
Nasuada também tem uma história parecida, ela é filha do homem que liderava os Varden (um grupo de rebeldes que lutam contra o rei), e com a morte de seu pai, ela acaba assumindo a liderança. Ainda muito jovem e inexperientem, ela precisa tomar certas decisões que nem sempre todos concordam, mesmo assim ela segue em frente, de cabeça erguida e sempre pensando no bem de seu povo.
Angela é uma bruxa misteriosa que também luta contra o rei. Não sabemos muito coisa sobre ela, mas ela é uma personagem bem interessante e engraçada, assim como seu companheiro, Solembum, um menino-gato, uma raça metade homem metade gato.

IMG_1615

Também acho muito interessante a magia nesse universo e o fato de eles conseguirem se comunicar com a mente. Quem tem controle da mente, consegue se comunicar com qualquer ser vivo, sejam plantas ou animais. Não é apenas quem domina a magia que consegue fazer isso, a pessoa pode ser treinada a controlar a mente.
Eles também dão muita importância para o nome das coisas, o verdadeiro nome. Quando você sabe o verdadeiro nome de um ser você tem domínio sobre ele. Já vi isso em outros livros também e acho muito interessante.

 

E uma última coisa que gostei nesses livros foi de o romance não ter dado certo.
Eragon é apaixonado desde o primeiro livro pela elfa Arya, e mesmo sabendo que ela é muito mais velha, ele insiste nessa paixão e até incomoda a moça. Ele é um adolescente, então é natural que sinta atração por uma mulher, mas ele enche o saco o/
Mas a Arya em certo momento da um pé na bunda dele e foi uma das cenas mais legais da história.

Enfim, eu acho que é uma história que vale a pena ser lida, mesmo com todos os pontos negativos.
Fiz um vídeo um pouco mais detalhado sobre a minha impressão dessa série, vou deixar aqui:

Anúncios

Série The Musketeers

Espadas, mosquetes, cavalos, ação e elegância é o que você vai encontrar nessa série. E foi tudo isso que me conquistou e fez The Musketeers se tornar minha série favorita.

musketeers_3-10

Continuar lendo

5 livros para ler em 1 dia

Sabe aquela época da sua vida que você não está a fim de ler nada? Você tem milhares de livros para ler, mas não tem vontade de pegar nem aquele que mais chama sua atenção?
Essa é a famosa ressaca literária.

Não é fácil sair desse problemão, mas também não é impossível.
Hoje e trago para você 5 livros bem curtinhos e super gostosos de ler, que você termina em apenas 1 dia e já te dá um pique para ler outras coisas. São livros para curar a ressaca literária.

IMG_1534

Continuar lendo

Biscoitos de Boku no Hero Academia

Boku no Hero tem sido um dos meus animes favoritos dos últimos tempo. Não é a toa, já falei um pouco sobre ele aqui e to cada vez mais viciada!
Resolvi fazer um biscoito decorado com esse tema, mas foi muito difícil pensar em alguma coisa, então peguei algumas imagens, imprimi e passei para o biscoio.
É um biscoito totalmente pintado a mão e que achei que ficou muito legal!

IMG_139623

Continuar lendo